Um susto, uma paulada: CRASH! E a vida continua

Juçara Marçal dá uma porradaça com som urgente sobre o Brasil atual. Ouça! O título desse texto é uma paródia. Originalmente era “Clash!”, e foi escrito por Ana Maria Bahiana há 41 anos, na Revista Somtrês. É um clássico do jornalismo cultural, que resolvi guardar nesse link aqui porque não quero perdê-lo. Era sobre o impacto que a aclamada jornalista teve ao ouvir os britânicos … Continuar lendo Um susto, uma paulada: CRASH! E a vida continua

Alguns motivos para amar Coldplay

Ana Luiza Zenker

http://www.flickr.com/photos/algreen/3102265973/
foto: al_green, no Flickr

Nada melhor do que um pouco de rock – dirão alguns que mais pra indie rock -, muitos pulos, gritos, músicas em coro por uma plateia apaixonada. Assunto bom pra voltar, antes de retomar os posts sobre bons blockbusters. É, eu fui uma das 34 mil pessoas que toparam ficar debaixo de uma chuva ora fina e chata, ora forte e capaz de lavar a alma, só pra poder cantar alguns dos refrões mais famosos da banda inglesa Coldplay, no Rio de Janeiro.

Era uma vez….

Há uns dez anos, os filmes brasileiros eram rotulados de muito ruins, cheios de erros, com produção e roteiros pobres. Desse período até os atuais dias, essa imagem vem mudando gradativamente. De cara posso citar alguns, como, por exemplo, Auto da Compadecida, (2000), tida como uma das melhores comédias brasileiras. Ela ganhou os prêmios de melhor diretor e melhor roteiro – e para quem não … Continuar lendo Era uma vez….