Vídeo: entenda a treta encerrada hoje pelo STJ entre ex-Legionários e filho de Renato Russo

Neste vídeo curto, tipo “shorts” do Youtube, um resumão sobre o que rolou entre o Giuliano Manfredini, Dado Villa-Lobos, Marcelo Bonfá

Resumão em texto? Temos:

Em 1982, Renato Russo chamou Dado Villa-Lobos, Marcelo Bonfá e Renato Rocha pra formarem a banda mais legal do rock brasileiro, a Legião Urbana

Em 89, o Renato Rocha, Negrete, saiu da banda, que seguiu como trio com Renato, Dado e Bonfá.

Também em 89, ele cantava que o filho dele ia ter nome de santo. Seria São Juliano, mas como Renato era bem fã da Itália e tals, botou na versão italiana do nome mesmo. Nasceu o filho Giuliano Manfredini.

Dias atrás, questionei aqui se Giuliano e Carmelo (filho do Tim Maia) precisam mesmo ser estrelas por serem filhos de astros, porque é cada c*zice que eles aprontam…

Em 96, Renato Russo morreu, deixando pro Giuliano a marca Legião Urbana. Ele tinha sete anos de idade. A partir dos 18 anos, ou seja, em 2007, o Giuliano poderia começar a usar a marca. Em 2014, no entanto, ele resolveu que era de bom tom tretar com os antigos amigos do pai dele, que faziam turnês comemorativas dos 30 anos dos primeiros discos da Legião.

Em 2015 o Renato Rocha morreu, e tá nesse documento aqui o nome dele também, que é o que o Giuliano usa pra se defender. Diz que os três, Dado, Bonfá e Negrete, venderam a sociedade sobre a marca da Legião pro Renato, então não teriam direito nenhum.

Lá na 7ª Vara Empresarial do Rio de Janeiro, ficou decidido: Dado e Bonfá poderiam usar o nome da Legião Urbana sim, afinal, eles também eram da banda.

Aí o Giuliano resolveu bater o pé, e subir o caso pro STJ, porque ele acha que o pai dele ficaria muito feliz dele sendo escroto com os amigos dele.

Só lembrando: Giuliano já agradeceu por não se parecer em nada com o pai, tá? Eu tava lá…

A relatora foi a ministra Maria Isabel Galotti e votou a favor do Giuliano. O ministro Luis Felipe Salomão concordou. Porém, os ministros Antonio Carlos Ferreira, Raul Araujo e Marco Buzzi foram contra.

Giuliano, a Legião não era só seu pai, que tal parar de encher o saco de quem estava realmente com ele o tempo todo, hein? Mas ó, aguardemos porque parece que os advogados querem anular a sentença da Justiça do Rio, alegando que marca é caso de Justiça Federal, já que é assunto do INPI, o Instituto Nacional de Propriedade Intelectual.

Bonfá e Dado, parabéns. Vocês são a Legião sim.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s