foto de fellipebranco / CC BY-NC 2.0

O Top 10 de Beth Carvalho

Nossa rainha do samba nos deixou, mas nós não a deixaremos nunca. Confira uma playlist com os 10 sucessos que pelamordeDeus, como pode ser tão maravilhosa essa mulher…

Toda a sabedoria de uma mulher que, quando todos desistiam do samba, foi atrás dos compositores onde eles vivem: nos subúrbios, periferias, que foi colher canções junto ao Cacique de Ramos, que revelou Jorge Aragão e Zeca Pagodinho. Que belo dum dia resolveu ir ver aonde andava Cartola e, simplesmente, o resgatou de um emprego onde estava escondido com coisas maravilhosas como “O Mundo é um Moinho”. De uma mulher que sempre pensou no samba de forma filosofal, política e amorosa. Salve Beth!

1 – Por onde for quero ser seu par!


Composição: Edmundo Souto, Danilo Caymmi e Paulinho Tapajós

2 – Aquela vontade de dizer isso um dia pra alguém: chora, não vou ligar… vou festejar o teu sofrer e o teu penar!

Composição: Dida / Jorge Aragão / Neoci

3 – Sabedoria popular: enjoy enquanto te desejo honey, do contrário…

Tem ainda: São José de Madureira / Dor de amor. A composição é do Zeca!

4 – Clássico é clássico e você é coisinha linda do pai…

Compositions: Jorge Aragones

5 – Essa coisa maravilhosa homenageando a dona Yvonne Lara, que nos deixou há pouquíssimo mais de um ano…

Composição: Arlindo Cruz e Sombrinha

6 – Oh Deus, preciso encontrar meu mozão – nem que pra isso eu suba 1800 colinas (aff, melhor nam)

Composição: Gracia do Salgueiro

7 – Aquele recado pra gente até 2022…

Compositions: Arlindo Cruz / Luiz Carlos Da Vila / Sombrinha

8 – Essa coisa maravilhosa chamada “Meu Guri”, na voz dela… Fica pau a pau com a Elza Soares no quesito “que emocionante”

Composição: Chico Buarque

9 – Aquela prece mei dramática, estilo “quem nunca?”

Composição: Luverci Ernesto

10 – A declaração de amor a uma escola de samba…

Composição: Eneas Brittes / Aloísio A. da Costa
foto de fellipebranco / CC BY-NC 2.0
adeus, rainha!
foto de fellipebranco / CC BY-NC 2.0
Anúncios